Proteína de Soja e Hormônios, Qual a Relação?

A soja é uma fonte completa de proteína e um alimento básico em muitas culturas. A soja contém fitoestrógenos chamados isoflavonas que podem imitar a atividade do hormônio estrogênio em seu corpo. Os efeitos das isoflavonas de soja nos níveis de estrogênio humano são complexos. A soja é segura para que todos possam consumir com moderação e pode ter um efeito modesto nos níveis de estrogênio.

proteina de soja e hormonios qual a relação

Fitoestrógenos

Os fitoestrógenos são compostos encontrados em plantas que são quimicamente similares ao hormônio estrogênio. Normalmente entendido como envolvidos na reprodução feminina, os estrogênios controlam muitos aspectos importantes para o corpo em homens e mulheres: metabolismo, saúde dos ossos e vasos sanguíneos, tom de pele, nível de colesterol, equilíbrio de fluidos e desejo sexual. A soja é uma das fontes mais ricas de fitoestrógeno, contendo os níveis mais altos de isoflavonas nos alimentos.

Efeitos

As isoflavonas de soja ativam os receptores de estrogênio do seu corpo, proteínas que detectam a presença de estrogênio e realizam efeitos como mudanças na expressão gênica. No entanto, isoflavonas o fazem de maneira mais fraca do que o estrogênio natural do seu corpo. Se o estrogênio estiver ausente, as isoflavonas ativam levemente o receptor de estrogênio, atenuando o efeito do baixo estrogênio. Se o estrogênio é abundante, as isoflavonas interferem com a atividade do estrogênio natural, limitando o efeito de altos níveis de estrogênio. Uma vez que a estrutura das isoflavonas é semelhante ao estrogênio, as isoflavonas podem diminuir a produção de estrogênio do seu corpo e aumentar a taxa de degradação do estrogênio devido aos mecanismos de feedback que controlam os níveis de estrogênio.

Variabilidade

As pessoas podem processar isoflavonas de soja e outros fitoestrógenos de diferentes maneiras. As isoflavonas existem naturalmente em uma forma chamada glicosídeo, que está ligada a um açúcar. O açúcar deve primeiro ser removido antes de poder ser bem absorvido e mostrar atividade hormonal. Isto é realizado pelas bactérias e enzimas em seus intestinos ou via fermentação de produtos de soja, como missô. A estrutura da isoflavona também pode ser alterada durante este processo. Apenas um terço das pessoas com ascendência ocidental metabolizam as isoflavonas em uma forma com alta atividade estrogênica, de acordo com o Instituto Linus Pauling.

Benefícios

As isoflavonas de soja não parecem ser úteis no tratamento ou prevenção ou câncer de mama ou próstata, de acordo com o Instituto Linus Pauling. O efeito de redução de colesterol das isoflavonas é modesto, resultando em apenas uma redução de 3 por cento no colesterol ruim. As isoflavonas podem reduzir os sintomas da menopausa e melhorar a densidade óssea nas pessoas com risco de osteoporose, embora os resultados sejam inconsistentes. A segurança dos suplementos de isoflavonas de soja não foi bem estudada, embora o consumo de soja na dieta seja seguro.

 

Fonte: versão em português de: http://healthyeating.sfgate.com/eating-soy-increase-estrogen-production-2870.html

Proteína de Soja e Hormônios, Qual a Relação?
5 (100%) 1 vote

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *